Ato no MEC marca segundo dia de Seminário

Publicado em Sexta, 03 Junho 2016 19:33

DSC 0318 1

Duas mesas de debates abriram esta sexta-feira (3) e segundo dia do Seminário de Combate ao Racismo da CNTE, que acontece em Brasília.

Os temas discutidos foram “Já falei 10.639 vezes que racismo é crime. E aí, fazemos o que?” e “Formação e recursos didáticos para atuar em educação para relações etnicorraciais: ressignificando valores eurocêntricos.

"É muito importante estarmos reunidas hoje nesse Seminário, para discutirmos a educação e as relações etnicorraciais, pois o racismo é um fenômeno camaleônico que tem a capacidade de mudar e se ajustar aos novos tempos para se manter e perdurar, afirmou a Doutora em Antropologia e debatedora, Zélia Amador de Deus.

De acordo com a pós-doutora em Ciências Humanas e palestrante, Petronilha Beatriz Gonçalves e Silva, "as mulheres negras continuam em marcha pelo direto à vida, pelo direito à humanidade, pelo direito a ter direitos e pelo reconhecimento e valorização das diferenças", ressaltou.

As mesas de debates foram encerradas e os participantes seguiram para o Ministério da Educação, para uma grande manifestação antirracismo e em favor da Educação.

"Saímos dos debates, que foram muito proveitosos, e fomos para a atuação. “Nos deslocamos para o Ministério da Educação para dizer ao responsável hoje pela pasta que nós não aceitaremos nenhum retrocesso das vitórias já conquistadas pelo movimento negro", enfatizou a Secretária de Combate ao Racismo da CNTE, Iêda Leal.

No período da tarde, quatro grupos de trabalho, simultâneos, também foram montados para debater diferentes temas como, “Mulheres negras e a educação escolar brasileira: em busca do bem viver”; “Recursos Didáticos – construindo uma educação antirracista no ambiente escolar”; “Por um currículo que descoloniza a educação escolar brasileira” e “Educação escolar e estratégias de enfrentamento ao genocídio da juventude negra.

De acordo com Clarice Pereira do APLB Sindicato, da Bahia, várias sugestões surgiram a partir dos debates, entre elas, “de se criar um curso, virtual ou presencial do idioma Yorùbá, promover a formação continuada para os educadores e cobrar dos órgãos estaduais e municipais para se tirar a Lei nº 10.639 da gaveta”, ressaltou.

“Avaliamos que o ambiente escolar não se limita à sala de aula, portanto é necessário que tenhamos materiais em todos os ambientes, pois todos os espaços são educativos, avaliou Celso José dos Santos, do APP/PR.

“Discutimos no grupo de trabalho, como os professores, a partir da CNTE, podem contribuir no cotidiano escolar, para um currículo descolonizado, mas que também é necessário descolonizar o pensamento das pessoas”, enfatizou Anatalina Lourenço do APEOSPE/SP.

No fim do dia, os participantes puderam assistir à apresentações musicais, de danças e literaturas organizadas pelos estados.

Confira mais fotos da CNTE no Facebook.

 
 
  22/10/2018
Boletim CNTE 823
Brasil tem a chance de mostrar ao mundo como defender a democracia
INFORMATIVO CNTE 823  
 
 
Videoconferência Reforma Tributária Solidária (06/08/2018)
 
 

Programa 604: Em audiência pública, CNTE reitera posicionamento contrário à BNCC

 
 

Nota Pública: Lei da Mordaça (“Escola Sem Partido”) é inconstitucional, antidemocrática e antipedagógica

 
  Acesse a agenda de mobilizações da CNTE
 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
O SIMPERE protocolou no Ministério Público, Conselho Municipal de Educação, Câmara de Vereadores e Secretaria de Educação, na tarde desta quinta-feira (08) um abaixo assinado organizado com pais e...
Em reunião solicitada pelo Sinteal, a professora Valéria Correia, reitora da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) conversou, na última sexta-feira (9), com representantes do Sinteal, Adufal, Sintufal e Sintetfal para falar sobre...
247 - O presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo, classificou como uma "aberração" a decisão do Conselho Nacional de Educação (CNE), de...
O Brasil aparece em último lugar em ranking sobre prestígio do professor. A análise de 35 países aponta que desempenho dos alunos está ligado à forma como a sociedade vê e remunera seus professores. No...
Fotos: Jordana MercadoNo dia em que se encerra o CNE – Conselho Nacional de Entidades da CNTE, em Curitiba/PR, a direção da entidade apresentou ao plenário a Proposta de Planejamento para 2019, bem como o...
Representado pelas diretoras Marta Queiroz e Maria Prazeres Batista, o Sinteal participa, nesta quinta-feira (8) e sexta-feira (9), da 7ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, no Centro Cultural e de...
Professores têm direito à liberdade de cátedra, liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber, como previsto nos artigos 205 e 206 da Constituição Federal e no artigo 3º da...
O SINTEAL, representado por seu Departamento Jurídico, através das advogadas Maria Betânia Pereira e Ana Carolina Nunes, esteve, na última quarta-feira (7/11), em Brasília (DF), onde conquistou o importante e...
Iniciou-se hoje (08) a reunião do Conselho Nacional de Entidades (CNE), em Curitiba (PR). O evento acontece no auditório da APP, sindicato que representa os trabalhadores e trabalhadoras da educação pública do estado...
Foto: Vinícius Loures/Câmara dos Deputados A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) somou forças aos grupos de resistência contra o projeto de lei da Escola sem Partido (PL...
Nesta terça-feira, dia 6 de novembro/18, a direção do Sind-UTE/MG, mais uma vez, cobrou o agendamento de reunião com o Governo do Estado. Além de questões pendentes como a incorporação do abono...
A agressão por parte de uma mãe à diretora da EEEF Vera Cruz, em Porto Alegre, ocorrida nesta terça-feira (6), é mais uma manifestação da epidemia de violência que vem transformando o ofício...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.