Sintet aciona judicialmente 16 municípios para pagamento da URV


O Sintet (Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins) acionou judicialmente prefeituras de 16 municípios tocantinenses para o pagamento dos 11,98% referentes às perdas salariais dos servidores da Educação com a conversão da moeda nacional Cruzeiro Real para URV, ocorrida em 1994. A ação de cobrança com pedido de tutela antecipada aciona os municípios de Palmas, Porto Nacional, Ponte Alta, Araguaína, Babaçulândia, Pindorama, Natividade, Tocantinópolis, Augustinópolis, Peixe, Colinas, Miracema, Goiatins, Wanderlândia, Tupiratins e Monte do Carmo. Mais municípios também deverão ser acionados.

De acordo com a ação, os chefes dos poderes executivos já estavam obrigados a dar cumprimento à Lei Federal nº 8.880/94, que determinava essa reposição salarial com a mudança da moeda, mas houve omissão por parte dos gestores municipais e essa defasagem perdura até os dias de hoje.

Segundo o advogado do SINTET, Benedito Gonçalves, tanto o Tribunal de Justiça, quanto o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e o Supremo Tribunal Federal (STF) entendem que os servidores têm direito aos 11,98% de reajuste pela conversão da moeda de Cruzeiro Real para URV. "Outros poderes reconheceram administrativamente que os servidores devem receber essa diferença desde o momento em que a moeda brasileira foi convertida de Cruzeiro Real para URV", disse.

A questão, de acordo com dr. Benedito, é ultrapassar a burocracia do Poder Executivo e determinar o pagamento, uma vez que do ponto de vista legal o caso da URV já é assunto encerrado.

Governo do Estado


A ação contra o Governo do Estado ainda está em tramitação na Justiça, sem decisão. Em outubro do ano passado, o Poder Executivo Estadual liberou para o Tribunal de Justiça, Ministério Público Estadual, Assembléia Legislativa e Tribunal de Contas. Mas os servidores públicos dessas instituições ficaram de fora desse caso. Quem recebeu o pagamento foram os juízes, desembargadores, promotores e procuradores de justiça e os conselheiros do TCE. Apenas os servidores da Assembléia Legislativa foram contemplados. Ainda não há previsão sobre o pagamento da URV dos servidores públicos destes poderes.
 
Fonte: Assessoria de Comunicação do Sintet, 29/01/2010
 
Facebook Twitter Youtube A Rádio pela Educação
 
 
 
Receba o Boletim
Weblinks das Afiliadas
Quadro de Greves
Giro pelos Estados
Moções
Galeria de Fotos
CNTE na CONAE 2010
Eventos anteriores
 
Fale conosco
Webmail CNTE
Campanhas anteriores
 
  CNTE TV
 
  Últimas notícias
 
19/12/2014 - 12:11
  O Governo do Estado dá segundo calote nos aposentados do Igeprev apenas este ano. Aqueles professores e trabalhadores da educação que se aposentaram neste ano, em sua grande maioria nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro receberam do 13º...
19/12/2014 - 11:43
Na manhã desta quinta-feira (18), no Ministério Público, a FETEMS (Federação dos Trabalhadores em Educação do Mato Grosso do Sul), consolidou mais uma importante conquista para os professores da rede estadual de ensino de Mato Grosso do Sul: o direito a...
17/12/2014 - 10:25
ms-mst-ms-articula-e-dirigentes-entregam-carta-a-presidenta-dilma-rousseff-sobre-a-situacao-indigena-em-mato-grosso-do-sulO Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra de Mato Grosso do Sul (MST/MS), articulado com movimentos sociais, sindicais e indígenas do Estado, repassaram aos dirigentes do MST Nacional uma carta relatando a situação dos conflitos de terra referentes...
16/12/2014 - 11:24
principais-deliberacoes-da-reuniao-do-cneA reunião do Conselho Nacional de Entidades da CNTE, realizada nos dias 04 e 05 de dezembro, debateu o PLP nº 413/2014, que visa instituir o Sistema Nacional de Educação através da regulamentação do art. 23 da CF, e aprofundou a atual conjuntura nacional...
16/12/2014 - 10:51
ms-fetems-e-cut-definem-acoes-para-evitar-conflito-no-campoO presidente da FETEMS(Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), Roberto Magno Botareli, participou na tarde desta segunda-feira(15), de uma reunião na CUT(Central Única dos Trabalhadores). O encontro entre lideranças do movimento...
15/12/2014 - 14:58
O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Alagoas se solidariza com os familiares, colegas e amigos da jovem estudante Tainara da Silva Duarte, de apenas 09 anos de idade, vítima fatal de um acidente com um caminhão do tipo “pau-de-arara”...
15/12/2014 - 14:22
Em novembro, a APP-Sindicato já denunciava o encerramento das atividades no Centro de Educação Básica de Jovens e Adultos (Ceebja) de Jacarezinho, norte do Estado. De forma silenciosa e por fora das oficialidades, a Secretaria de Estado da Educação...
15/12/2014 - 11:16
ms-mst-ms-bloqueia-br-262-que-liga-terenos-a-campo-grandeA BR-262, no trecho que liga o município de Terenos a capital Campo Grande, amanheceu totalmente paralisada, desde as 6h da manhã, o MST/MS (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra de Mato Grosso do Sul) trancou a rodovia em solidariedade a...
 

Mais Giro pelos Estados...

 
   
 
Institucional
A CNTE
Estatuto
Diretoria 2014/2017
Entidades Filiadas
Caderno de Resoluções 2011
Caderno de Resoluções 2008
Secretarias
Aposentados e Assuntos Previdenciários
Formação
Relações de Gênero

Legislação
Educacional
Profissional
Lutas da CNTE
O PNE que o Brasil quer
Piso Salarial e Carreira
PDE
Fundeb
Projetos no Congresso
Reforma Tributária

Quadro de Greves

Galeria de Fotos
Publicações
Pesquisas
Revistas
Livros
Artigos

Escola de Formação
Retratos da Escola
Notícias
Eventos de Formação
Weblinks
Comunicação
CNTE Informa
CNTE Notícias
Notícias
Artigos
Releases

Fale conosco