MT: Sintep exige fim dos desvios de recursos da Educação Pública de Mato Grosso

Publicado em Sexta, 16 Dezembro 2016 14:56

banner giro pelos estados

O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) quer saber quem seria o sultão, a que serve o ‘grão vizir’ na ação deflagrada pela Polícia Civil de Mato Grosso. A nova fase da operações Rêmora, que investiga a corrupção instalada na Secretaria de Estado de Educação (Seduc), aponta a participação de pessoas com maior influência, no esquema que desviava o dinheiro da Educação Pública.

Neta etapa da operação, denominada “Grão Vizir”, a justiça decretou a prisão preventiva do empresário Alan Malouf, envolvido na corrupção instalada na Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), como um dos mais fortes colaboradores da campanha de Pedro Taques quando candidato ao governo do estado em 2014. Na delação feita, por outro empresário que integrava o esquema de fraude nas licitações de obras das escolas públicas estaduais, ele, Malouf, teria ‘investido’ R$ 10 milhões na campanha de Taques. O apoio tinha como proposta recuperar o recurso assim que a eleição se efetivasse.

Para os profissionais da educação estadual de Mato Grosso é lamentável que um governo que consegue recursos vultuosos para fundos de campanha, não consiga elaborar um projeto de investimento para o Estado, sem que tenha que quebrar direitos dos servidores.

Durante mais de um ano, o governo alimentou por meio de propinas as contas dos empresários que se beneficiaram dos recursos públicos da educação. Se existem excedentes para pagar propina por que não se garante a valorização dos profissionais, a infraestrutura das escolas”, questiona o secretário de comunicação do Sintep/MT, Gilmar Soares.

A cada dia aumentam as frustrações da categoria e da sociedade diante as denúncias feitas ao governo Taques. E enquanto a justiça não soluciona os problemas quem paga a conta são os funcionários/as públicos/as.

(SINTEP/MT, 16/12/2016)

 
 
  14/06/2017
Boletim CNTE 791
As parcerias público-privadas na educação: é preciso reagir à privatização da escola pública
INFORMATIVO CNTE 791  
 
 
Conselho Nacional de Entidades fortalece mobilização no próximo dia 30 (22/06/2017)
 
 

Programa 587: CNTE e várias entidades anunciam saída do Fórum Nacional de Educação

 
 

FMLN condena golpe de estado contra presidenta Dilma Rousseff no Brasil

 
  Acesse nossa galeria de fotos
 
  Disponível na Google Play e App Store
 

 VEJA MAIS NOTÍCIAS
Nesta quarta-feira (28), as comissões de Direitos Humanos e Participação Popular realizam, no auditório da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), às 9h45, Audiência Pública para debater a...
Após anunciarem saída do Fórum Nacional de Educação (FNE), que teve sua composição alterada por portaria publicada pelo Ministério da Educação, entidades lançam o Fórum...
Vivemos momentos de várias tentativas de privatização da Escola Pública no Brasil e em Mato Grosso. O governo Pedro Taques, refém dos interesses empresariais que financiaram sua campanha, não se faz de rogado e...
O Sinteal se reuniu, na tarde desta segunda-feira (26), com o secretário de Estado de Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques, quando cobrou respostas de vários pontos da pauta de...
O Sinpro convoca os/as professores/as e orientadores/as educacionais para um ato de protesto em Taguatinga, nesta sexta-feira (30/6) – dia de Greve Geral. A atividade está marcada para as 9h, na Praça do Relógio. A categoria...
As eleições gerais do Sinte-PI aconteceram no último dia 19 de junho de 2017 e levaram quase 14 mil associados às urnas, no horário das 8h às 21h. Foram 158 urnas distribuídas em todo o estado para...
Nesta terça e quarta-feira (27 e 28), ocorrem as eleições do CPERS, maior entidade sindical do Sul do Brasil, com 83.200 associados atualmente. Durante estes dois dias, os sócios da entidade elegerão a Diretoria...
A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE vem a público manifestar a sua contrariedade quanto à metodologia utilizada na pesquisa divulgada pelo Instituto Nacional de Estudos e...
Tomei conhecimento de mais um lamentável e inaceitável incidente ocorrido em uma escola da rede estadual. Desta vez, o carro da professora e coordenadora da Escola Estadual Professora Vânia Aparecida Cassará, em Mogi das...
A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) ingressou hoje (23) com Ação Direita de Inconstitucionalidade (ADI) no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a Emenda Constitucional (EC) 95/2016,...
Diante das denúncias contra o Governador Raimundo Colombo, tanto com relação às contas aprovadas pelo TCE, mesmo com 18 ressalvas, quanto às acusações de recebimento de propina da JBS e Odebrecht,...
A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) ingressou nesta sexta-feira, 23, com Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a Emenda Constitucional (EC)...
Leia mais 
  Revista Mátria Programa de Formação Funcionários da educação Cadernos de Educação Pesquisas  
   
  Outras publicações 
 
   
   
  Mais eventos 
         
Outras campanhas 
         
         
         
         
 
 
             
INSTITUCIONAL LUTAS TABELA SALARIAL DOCUMENTOS LEGISLAÇÕES COMUNICAÇÃO FALE CONOSCO
             
- A CNTE - A Lei do Piso   - Caderno de Resoluções - Educacional - Notícias  
- Diretoria 2017/2021 - Cartilha do Piso   - Estatuto - Pesquisar - Giro pelos Estados  
- Entidades Filiadas - Propostas Diretrizes   - Moções   - CNTE Notícias  
- Secretarias de Carreira   - Notas Públicas   - Educação na Mídia  
  - Livreto Diretrizes       - Releases  
  e Carreira          
  - A Lei do PNE          
  - Cartilha do PNE    

CNTE - Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação

Endereço: SDS, Edifício Venâncio III, Salas 101/106
CEP: 70393-902 - Brasília-DF
E-mail: cnte@cnte.org.br

Telefone: +55 (61) 3225-1003
Fax: +55 (61) 3225-2685

  - Royalties do Petróleo    
       
       
       
       
       
       
       
       
       
2014© Todos os direitos reservados.