Após ação movida pelo Sintet, a Prefeitura de Guaraí e a Secretaria Municipal de Educação foram intimadas, nesta quinta-feira (26), para prestar informações sobre o pagamento das progressões e titularidades dos trabalhadores da Educação da rede municipal. A ação pleiteia o pagamento dos direitos a um grupo de profissionais que prestaram concurso em 2017 e após concluírem o período probatório permanecem sem receber seus direitos – e não evolui conforme rege o plano de carreira.

“Nós defendemos a educação pública de qualidade e a valorização da carreira dos profissionais da educação, sem evolução funcional garantida na carreira, não há valorização”, disse Iolanda Bastos, presidente do Sintet Regional de Guaraí.

O Sintet busca a solução da questão pela via de negociação com o município, mas optou pela ação judicial como meio de resguardar o direito dos trabalhadores. Em cumprimento de sua função estatutária, o Sindicato segue acompanhando o processo judicial buscando salvaguardar os direitos dos trabalhadores da educação.

(Sintet, 27/08/2021)