CULTURA

 

2020 10 15 destaque cut 3

Estreia em todo o Brasil nesta quinta-feira (15), Dia dos Professores, a obra-prima que retrata a vida e o cotidiano de trabalhadores e trabalhadoras da Educação na luta para não perder seus direitos, cidadania e dignidade e garantir uma educação de qualidade a todos os brasileiros.

“Abraço – a única saída é lutar” é uma obra de ficção baseada em fatos reais e conta a luta de professores no estado de Sergipe, em uma greve por direitos realizada em 2008.

Em vídeo para as redes sociais, o presidente da CUT, Sérgio Nobre, reforça o apoio da CUT ao filme e faz um convite a todos os trabalhadores e trabalhadoras para irem aos cinemas.

“É o primeiro longa-metragem produzido pela classe trabalhadora”, destaca o presidente da CUT.

Para o diretor de Abraço, DF Fiuza, o filme mostra o lado humano, com os problemas do dia a dia e obstáculos enfrentados por líderes sindicais. Ana Rosa, interpretada pela atriz Giuliana Maria é professora, mãe e sindicalista que tem de lidar com a oposição e o machismo até da própria família para liderar os professores em um importante movimento grevista.

No elenco estão, entre outros, Flávio Bauraqui, Giuliana Maria, Flávio Porto, Rose Ribeiro e Isabel Santos.

A premiada trilha sonora é de André Abujamra e Eron Guarniere, com participação do compositor Chico César. A música-tema é ‘Pra não dizer que não falei de flores’, de Geraldo Vandré.

Em cartaz:
Cidades e Cinemas:

- Salvador/ Espaço Itaú Glauber Rocha

- Rio de Janeiro/ Espaço Itaú Botafogo e Cinesystem Bangu

- São Paulo / Augusta

- Brasília / Cine Drive In Brasília

- Fortaleza / Cine São Luis

- Manaus / Cine Casarão

- Ananindeua - Pará / Cinesystem Ananindeua

O filme pode ser assistido em casa nas plataformas digitais www.cinemavirtual.com.br e na www.looke.com.br.

A partir do dia 29 de outubro, Abraço estará disponível também nas plataformas digitais (streaming), como Apple TV, Google Play, Now, Vivo Play e Youtube Filmes.

(CUT, 15/10/2020)