LUTA PELA EDUCAÇÃO

 

2021 02 24 destaque ato2

Nesta quarta-feira (24), a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) participou de um ato simbólico da "Jornada Nacional Vacina para Todos Já", em frente ao Congresso Nacional.

A Jornada tem o objetivo de pedir aos parlamentares vacina para todos, com prioridade aos profissionais da educação, além de segurança sanitária para as comunidades e alimentação escolar. A pauta também exige orçamento público setorial capaz de assegurar o enfrentamento à pandemia para 2021.

Para Rosilene Corrêa Lima, secretária de finanças da CNTE e diretora do Sinpro-DF, este ato é de grande importância e tem uma simbologia para todas as entidades que estão com essa preocupação e no empenho para cobrar agilidade do governo: “Nós temos um governo federal executivo que só apresenta medidas que colocam o povo brasileiro em uma situação ainda mais difícil e vulnerável. Neste momento, precisamos pressionar o Parlamento, que também é responsável pelo povo”.

De acordo com a secretária, voltar às aulas com as condições sanitárias precárias e sem vacina é preocupante: “O primeiro passo para retornar as aulas é colocar os professores e demais trabalhadores em educação dentro do grupo de prioridades e seguir, integralmente, todos os protocolos de segurança, para que as escolas tenham as mínimas condições de recepcionar a comunidade escolar”.

Rosilene indica, ainda, a ausência de orientações do Ministério da Educação, desde o início da pandemia, e nenhum investimento ou recurso extra para que as escolas possam se equipar. “Continuar como nós estamos, seguindo as medidas apresentadas pelo Governo Federal, além da desvinculação dos recursos da educação e saúde, podemos chamar de extermínio. É criminoso. O parlamento precisa se posicionar”, completa a secretária.

Ao final do ato, os representantes da comitiva foram recebidos na liderança da minoria da Câmara e tiveram início as agendas institucionais internas. Ainda pela manhã, também teve tuitaço em defesa da #VacinaParaTodosJá, com a participação de diversos movimentos sociais. A hashtag chegou a alcançar a 4ª posição dos assuntos mais comentados do dia na rede social Twitter e, até 12h, continuava entre os 10 termos mais citados com cerca de 10,6 mil menções.

A jornada é uma iniciativa conjunta das comissões de educação das assembleias legislativas de todo país, movimentos sociais da saúde e de trabalhadores e estudantes.

Confira a programação de ações prevista para hoje.

- 11h - Live de 60 minutos com participação de parlamentares, representantes de movimentos, entidades e gestores
- 13h - Live de 60 minutos com transmissão cruzada nos estados
- 20h - Live de encerramento da jornada com apresentação do vídeo informativo das atividades da Comitiva no Congresso e de representações da Frente Pela Vida, do Conselho Nacional de Saúde e do Fórum das Comissões de Educação das Assembleias Legislativas e da CNTE.